Porque tanta pressa?

As horas passam rápido quando estamos felizes e demoram a passar, quando estamos enfrentando alguma dificuldade. Temos a impressão de ver o tempo passar rápido quando, estamos na praia, fazendo compras e se divertindo com as pessoas que amamos.

Mas quando estamos enfermos, estressados, tensos, preocupados, agoniados com algo ou alguém, cada segundo parece uma década, cada semana parece um milênio, é sempre assim.

Temos que aproveitar cada instante, como se fosse o último da nossa vida, pois a vida é como um sopro, e as boas lembranças e recordações, são o que nos tornam únicos e especiais na vida das outras pessoas.

Até no livro de Tiago 4:14 diz:

“Contudo, vós não tendes o poder de saber o que acontecerá no dia de amanhã. Que é a vossa vida? Sois, simplesmente, como a neblina que aparece por algum tempo e logo se dissipa.”

 “O homem é semelhante a um sopro; seus dias, como a sombra que passa.” ( Salmos 144:4)

 “De fato, os dias de nossa vida chegam a setenta anos, ou a oitenta para os que têm mais saúde; entretanto, a maior parte dos anos é de labuta e sofrimentos, porquanto a vida passa muito depressa, e nós voamos!”
( Salmos 90:10 )

Se meditarmos nos dias da nossa mocidade, veríamos que não aproveitamos bem cada momento anterior, pois perdemos tempo com brigas, raiva e principalmente por ter colocado qualquer outra coisa, no lugar que era de Deus.

Aproveitar a vida não se refere a ir para baladas, pular todos os dias do carnaval, beber até ficar inconsciente, experimentar todas as drogas que nos foram apresentadas, beijar várias bocas diferentes ou até mesmo satisfazer nossa carne.

Sentir a presença de Deus a cada dia, desfrutar da boa terra, plantar o bem e colher o bem, sair com a família, casar com uma pessoa que serve ao mesmo Deus, ensinar os filhos no caminho que se deve andar, ganhar almas para o reino, se manter santo em um mundo cheio de pecado.

Tudo isso que foi citado, é o verdadeiro significado de aproveitar a vida. Quão gratificante é, ter o privilégio de aproveitar as coisas simples que existem, sem precisar gastar muito dinheiro nem energia.

 “Não se esqueçam disto, amados: Para o Senhor um dia é como mil anos e mil anos com um dia.”
(2 Pedro: 3.8)

Não fique preocupado com o que vai proceder no decorrer dos dias. Pare de querer que o amanhã seja hoje! Pare de trazer para o hoje, aquilo que só será válido depois de alguns anos, ou seja, não tente adiantar o futuro, pois ele está nas mãos de Deus.

Viva o agora, mesmo que ele seja dificultoso, mesmo que você esteja enfrentando um vendaval, pois do teu lado tem um Senhor que faz o mar se acalmar e até o sol parar, só para lhe dar vitória.

Deixe cada dia chegar, não antecipe aquilo que necessita de um processo para acontecer. Não perda seu precioso tempo, ficando desesperado(a) com o que ainda não está em suas mãos. Se foi prometido por Deus, Ele vai cumprir e sobre o seu futuro, entregue nas mãos Dele, que Ele cuida bem.